quinta-feira, 14 de outubro de 2010

O Que Importa



Não importa:

que a ventania da incompreensão nos zurza o caminho;

que a ignorância nos apedreje; que a injúria nos aponte ao descrédito; que a maledicência nos receba a jorros de lama;

que a intriga nos envolva em sombra; que a perseguição nos golpeie;

que a crítica arme inquisições para condenar-nos;

que os obstáculos se multipliquem, com plicando-nos a jornada;

que a mudança de outrem nos relegue ao abandono;

ou que as trevas conspirem incessantemente, no objetivo de perder-nos.

Importa nos agasalhemos na paciência; que nos apliquemos à desculpa incondicio nal; que nos resguardemos na humildade, observando que só temos e conseguimos aquilo que a Divina Providência nos em preste ou nos permita realizar; que nos cabe responder ao mal com o bem, sejam como sejam as circunstâncias; e que devemos aceitar a verdade de que cada coração per manece no lugar em que se coloca e que, por isso mesmo, devemos, acima de tudo, conservar a consciência tranqüila, trabalhar sempre e abençoar a todos, procurando re conhecer que todos somos de Deus e todos estamos em Deus, cujas leis nos julgarão a todos, amanhã e sempre, segundo as nossas próprias obras.


Do livro Coragem. Psicografia de Francisco Cândido Xavier/ Emmanuel

Um comentário:

  1. Perfeitas palavras amiga...nos atentemos ao que realmente importa, não é mesmo?
    Beijinhos...
    Valéria

    ResponderExcluir

Meus queridos amigos!
Obrigada pelo carinho e atenção de todos vocês!
Seus comentários são muito importantes pra mim.
Beijinhos

Pris

Seja Inteiro no que Importa

A gente pode morar numa casa mais ou menos, numa rua mais ou menos, numa cidade mais ou menos, e até ter um governo mais ou menos.  A gen...